top of page

Clareamento dental ilegal

Existe um mercado enorme para clareamento dental barato principalmente na internet e quem viaja ao exterior. Será que vale a pena?

A regulamentação é clara: somente o profissional dentista pode receitar o gel clareador e confeccionar as moldeiras, mas mesmo assim as pessoas buscam economia e rapidez, e o resultado pode acabar sendo caro e demorado.

Continua após a publicidade

Quando feito por um dentista, o clareamento dental é um procedimento de baixo custo e pode ter resultados estéticos excelentes ou não. Por aí já começa uma boa avaliação profissional, pois o resultado é individual para cada um.

Somente o dentista irá te avaliar e dizer por que seus dentes estão amarelados ou acinzentados para te passar a real eficácia do clareamento.

Eles podem estar com uma tonalidade mais escura por:

  • Pigmentação por alimentos;

  • Uso de antibióticos;

  • Trauma que pode escurecer um ou mais dentes pela necrose da polpa do dente;

  • Tom de pele: a pessoa com pele muito clara nos passa a impressão de dentes amarelos e a pessoa de pele negra parece ter dentes muito mais brancos. Mas isso não é real e sim apenas um contraste com a cor da pele. Basta uma pessoa de pele clara tomar sol para nos passar uma impressão de dentes brancos. Logo, o resultado pode não ser satisfatório para essas pessoas em que o dente clareia, mas a pele nos passa a impressão que não;

  • Mordida errada pode deixar os dentes mais escuros devido ao trauma em regiões erradas de fechamento de boca;

  • Aparelhos ortodônticos: quem usou um aparelho com movimentações inadequadas, ou até por durante a movimentação dental a mordida seja mais forte em algum ponto, esses dentes podem ficar mais escuros;

  • Idade: o dente envelhece como todo o nosso corpo e com o tempo ficará bem amarelado, como é visto em pessoas de idade. O resultado nesses casos pode não ser satisfatório também.

Esses são somente alguns pontos em que seu dentista pode te orientar sobre o sucesso do clareamento, pois em alguns casos pode até não ter resultado algum e aí o gasto já foi desnecessário.

O clareamento caseiro é feito com um gel clareador com base no peróxido de carbamida com diferentes concentrações, que podem ser de 10% até 25%.

Se comprada de um fornecedor desconhecido, sem a regulamentação da ANVISA, ninguém saberá a real concentração desse gel, que pode ter uma mínima quantidade de peróxido e que não surtirá efeito algum, ou até gigantescas concentrações em que podem até te dar um bom resultado, porém o prejuízo pode ser gigante para seus dentes e gengivas.

As moldeiras feitas pelo profissional são confeccionadas diretamente sobre um molde de sua boca, e uma precisão para que o peróxido não saia por sua boca em grande quantidade, podendo queimar os tecidos moles.

Em vez de usar moldeiras a vendas por aí, em que são esquentadas em panelas gerando calor e você mesmo adapta em seus dentes. Não seria mais seguro um profissional que faz isso todos os dias fazer sua moldeira que não é um material caro?

O gel que entra em contato com a saliva será neutralizado por ela e perderá seu efeito clareador, por isso uma boa moldeira será fundamental.

Outro ponto importante é que somente seu dentista saberá sua saúde bucal. Já me deparei com pacientes com dentes cheios de tártaro querendo um clareamento dental, o que não indico na hora pois sempre digo que o tártaro não clareia, e sim, primeiramente, um tratamento gengival para depois uma avaliação da sensibilidade desse paciente e uma indicação ou não do clareador.

Pacientes com cáries extensas podem piorar o quadro de dor drasticamente ao colocar o gel clareador em uma região cariada.

Pacientes com sensibilidade podem piorar, passando a ter hipersensibilidade em razão da agressão causada pelo gel em seus dentes.

E assim, o barato pode sair bem caro, pois em alguns casos você vai acabar tendo que buscar um profissional, ou irá continuar se automedicando.

(fonte: IGmail)




11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page